Bolsas para cientistas

Morá Miriam Rozen Gerber Fellowship

A cientista carioca Camila Freze Baez Nascimento conquista a bolsa de pós-doutorado “The Mora Miriam Rozen Gerber Fellowship”

Camila Freze Baez Nascimento, carioca, 29 anos, é a nova bolsista de pós-doutorado “The Morá Miriam Rozen Gerber Fellowship”, para continuar seus estudos no Instituto Weizmann de Ciências, Israel. A bolsa integral, destinada exclusivamente a brasileiros, tinha como requisito essencial a excelência acadêmica.

Graduada em Biomedicina na  Universidade Federal Fluminense, UFF, Niterói, com Mestrado  em Microbiologia e Parasitologia Aplicadas na mesma universidade e Doutorado em Medicina (Doenças Infecciosas e Parasitárias) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, a pesquisa da Camila no Brasil procurava ajudar a melhorar o entendimento científico sobre o papel dos vírus em cânceres de pele.

No Instituto Weizmann, vai ser parte de um grupo pioneiro na identificação de um novo tipo de comunicação das células tumorais com as demais: a passagem de RNA – uma descoberta que abriu uma Infinidade de possibilidades de pesquisa. O laboratório de “Tráfego de RNAm e de proteínas” (“mRNA and protein trafficking” ) é liderado pelo prof. Jeffrey Gerst do Departamento de Genética Molecular. “Nossa pesquisa pretende investigar se o RNA transferido de uma célula para outra influenciaria as funções da célula que o recebeu e, se no caso de transferência de RNAs envolvidos com o desenvolvimento tumoral, haveria a transformação de células saudáveis em células tumorais. Essa pesquisa é inovadora em muitos aspectos e poderá, por exemplo, indicar novos caminhos terapêuticos para o câncer.”

LEIA MAIS: Bolsa Gerber